terça-feira, 4 de outubro de 2011

Amadas... e tão longe!

Liesbet Olaerts e Mariana Aita Dadda... (ta na ordem da foto, sem crises de ciúme Mari)... OU... Mariana Aita Dadda e Liesbet Olaerts (agora na ordem cronológica, Mari chegou primeiro Lies)!!!
Tão amadas... tão queridas...  tão únicas e tão sensíveis! Não sei ainda onde vou passar o resto da minha vida, mas longe delas não consigo mais!
Porto Alegre com elas é perfeito... sem elas, nem é tão Alegre assim! Depois que as conheci, nem meu Recife está igual, falta algo! 
Um bom vinho, uma jantinha, um mate e um excelente papo... gargalhadas então?
Bah.. QUE SAUDADE!!!
Sim... com vocês aí eu moraria em Porto Alegre... não sei se eu repetiria isso no Inverno! =P
Não tenho problema nenhum em assumir... AMO minhas gauchinhas... eu era uma estranha entrando num grupo e elas me receberam TÃO bem (né Mari? rsrsrs)... sou tão grata por tudo!
Meninas... obrigada por fazerem parte da minha biografia... sem vocês não dá mais!
AMO MUITO!!!
Vocês tornam meus dias mais azuis... (do Grêmio)! hauahhahahu
Minha gremista e minha "belga" favoritas!!! \o/
Beijinhos cheios de saudades!!!

4 comentários:

  1. Que amizade linda! *-*
    Mas eu me senti um nada... mimimi

    ResponderExcluir
  2. mimimimimimi... eu sou um ímã pra amigas ciumentas!!! aaaahhahahaahahua
    É saudade das minhas amigas que estão muuuuuuiiiitoooo longe Mone... quando eu estiver lá... mando um pra vc!!!
    Leza...
    te amo!!!
    mimimimimimi
    XD

    ResponderExcluir
  3. Essa coisa de saudade é um aprendizado único. Sinto falta, do sorrisão e de te ver toda mãezona com a Anahi. Ahh claro... de sempre pegar no meu pé por causo do meu precioso português. Inveja..
    Ainda sonho com teu sonho Camila, não Porto Alegre, também não Recife, mas uma casinha num cidade menor, com praia, dias ensolarados.. Quero uma que fique algumas casas além da tua (não quero ouvir barulhos indecentes ¬¬).
    Saudades minha flor, e muito feliz que estou indo p Recife. Dmais! \o/

    ResponderExcluir
  4. Mariana Aita Dadda4 de outubro de 2011 23:10

    Li este teu post hoje várias vezes no dia.... sabe que ficava lembrando de um fim de tarde em Maceió, sentada num banco na frente das barracas, tomando um mate com uma amiga. Daqui a pouco chega uma morena de trancinhas pra puxar um papo e pronto: entrou nas nossas vidas pra ficar!
    A partir daí tantas coisas, né? Bom poder ter vivido todas elas juntas! Tragos, pagode no Villa, Gravidez, parto, etc, etc, etc! Isso tudo deixa tanta saudade!!
    Volta logo, flor!! Amo tu!

    Ps. Posso ter uma casinha perto também?

    Bjos!

    ResponderExcluir